24 Janeiro, 2017
Eurofirms ETT RRHH treball temporal

A Eurofirms aumenta em 48% a faturação em 2016 e consolida a sua presença em Portugal

Em 2016, ano do seu 25.º aniversário, o Grupo Eurofirms fechou o exercício com uma faturação total de 294,7 milhões de euros na Península Ibérica e a abertura de 14 novas delegações em Espanha e Portugal.

 

Uma média de 15 mil pessoas contratadas diariamente

2016 voltou a ser um ano de crescimento e expansão para o grupo Eurofirms, que se consolida como primeira empresa nacional de recursos humanos, a quarta do setor em Espanha. O diretor-geral da empresa, Miquel Jordà, no ato de fecho do ano celebrado este fim de semana no Palau de Congressos de Girona, apresentou os valores de faturação e a abertura de novos escritórios em Espanha e Portugal, validando a empresa como a primeira empresa espanhola do setor da gestão de recursos humanos do país e a quarta em volume de faturação entre as que operam na Península Ibérica dentro do ranking setorial, caso se incluam as empresas de capital estrangeiro.

Em valores absolutos, a Eurofirms fechou o ano com uma faturação de 294,7 milhões de euros, o que representa um aumento de 48% face ao exercício anterior. Um aumento notável se além disso tivermos em conta que o crescimento médio do setor se situa nos 15%. Esta tendência histórica mantém-se desde a criação da Eurofirms e consolidou-se ao longo dos últimos anos até se posicionar como uma das empresas com maior desenvolvimento do setor. Para Miquel Jordà, “o fator inovação e a motivação e profissionalismo da equipa humana da Eurofirms são essenciais para explicar este crescimento muito acima da concorrência”.

Aumento da equipa e crescimento das delegações territoriais

14 é o número de novas delegações territoriais abertas no ano passado pela Eurofirms. 10 em Espanha (Barcelona Gran Vía, Terrassa, Sant Cugat, Montblanc, Valencia, Madrid-Pl. Castilla, Valdemoro, Palencia, Huelva e Playa Blanca em Lanzarote) e outras 4 em Portugal (Lisboa Central, Mealhada, Leiria e Alverca).

Assim, a rede territorial da Eurofirms conta já com 87 delegações, com 75 escritórios em Espanha e 12 em Portugal.

Consequentemente, a maior atividade e a entrada em funcionamento de novas delegações foram acompanhadas por um aumento do pessoal da Eurofirms. Terminou o exercício de 2016 com 434 trabalhadores na sua estrutura, sendo o crescimento de 38%.

Fundada em 1991 em Cassà de la Selva (Girona), a Eurofirms oferece serviços de trabalho temporário, seleção de pessoal, formação, subcontratação e Pivot. Conta também com uma Fundação que oferece serviços de integração no mundo laboral de pessoas portadoras de deficiência física e psíquica.

Primeiro as pessoas: valor diferencial

O Diretor-Geral da Eurofirms, Miquel Jordà, realça que “desde a sua criação, na nossa empresa primeiro estão as pessoas e depois a atividade empresarial. Em oposição à gestão por objetivos, propomos uma gestão por valores; desta forma os resultados obtidos são melhores e a nossa trajetória corrobora isso mesmo”.

Outra das vantagens competitivas da empresa é a inovação contínua, já que a Eurofirms conta com “ferramentas tecnológicas muito avançadas, desenvolvidas internamente, e que permitem uma diferenciação relativamente à concorrência para realizar uma gestão dos departamentos de recursos humanos com valor acrescentado e transparência”, comenta Jordà. Entre estas soluções figuram a aplicação de gestão (ERP), a assinatura eletrónica e digitalizada de contratos, assim como as áreas de acesso online exclusivo para clientes e trabalhadores.